Bahia do Povo

Resultado da busca pela categoria "Brasil"

Polícia Civil de Jequié prende ladrões de gado

Terça / 09 Jan 2018 / 00h23



Bahia do povo

Uma série de ocorrências relacionadas a furto de gado em propriedades rurais na região de Jequié deixou a Polícia Civil em estado de alerta. Indivíduos aproveitavam o cair da noite, laçavam os animais e transportavam em veículos de carroceria aberta para posteriormente abater e comercializar sua carne. No dia 04 de Janeiro de 2018, a equipe da Furtos e Roubos, após investigações, conseguiu localizar em uma fazenda na região de Pedra Redonda (próximo ao Baixão) 3 cabeças de gado, sendo duas novilhas e um mamote mestiço. Na ocasião foi preso em flagrante o indivíduo Tdson Pereira dos Santos, vulgo “ted”, e posteriormente um outro participe também foi localizado: João Almeida Braga, vulgo “João do bode”, sendo este último oriundo do Entroncamento de Jaguaquara. Os mesmos foram interrogados pela autoridade policial e confessaram a prática do delito.

Gildásio Penedo toma posse do TCE com discurso combativo

Quinta / 04 Jan 2018 / 22h25



Foto: Divulgação / TCE-BA

O conselheiro Gildásio Penedo Cavalcanti tomou posse como presidente do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) nesta quinta-feira (4) com discurso combativo à corrupção e aos desvios de recursos públicos. O novo presidente comandará a Mesa Diretora da Corte de Contas no biênio 2018-2019 ao lado dos conselheiros Marcus Vinicius de Barros Presídio (Vice-presidente) e Inaldo da Paixão Santos Araújo (Corregedor). A sessão contou com a presença do governador Rui Costa e de autoridades do Estado. Ao se despedir do cargo que ocupou durante dois biênios, o ex-presidente Inaldo da Paixão Santos Araújo, fez um pronunciamento muito breve, afirmando que o momento era do novo presidente, e limitou-se a entregar ao seu sucessor um exemplar do Plano Estratégico para os próximos três anos. No seu pronunciamento, o novo presidente fez uma análise da situação nacional e ressaltou que, apesar da grave crise e das repetidas revelações de escândalos, “não se pode descambar para a tentativa de criminalização da atividade pública”, observando não se poder admitir qualquer tentativa de retrocesso institucional no País. Compareceram ainda ao ato de posse o vice-governador João Leão, os senadores Otto Alencar (PSD) e Lídice da Matta (PSB), o vice-presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Luis Augusto; o presidente do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM-BA), Francisco de Souza Andrade Neto; a Procuradora Geral de Justiça do Estado da Bahia, Ediene Lousado; o Procurador Geral do Estado, Paulo Moreno; o Defensor Público do Estado, Clériston Cavalcante de Macedo; o procurador geral do Ministério Público de Contas, Danilo Ferreira, além de deputados federais e estaduais, vereadores de Salvador, secretários da administração estadual, amigos e familiares do novo presidente.

Fixado em R$ 954, novo mínimo entra em vigor nesta segunda; reajuste é o menor em 24 anos

Segunda / 01 Jan 2018 / 11h23



Bahia do povo

Fixado pelo presidente Michel Temer no valor de R$ 954, o novo salário mínimo entra em vigor nesta segunda-feira (1º). Com o aumento de R$ 17, o reajuste é o menor em 24 anos. O valor é inferior ainda ao estimado anteriormente pelo governo, que era de R$ 965. O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, alega que o novo mínimo foi determinado através da aplicação da lei, e não por questões políticas. “A questão é apenas como calcular exatamente a aplicação dos índices de inflação. Porque o salário mínimo é definido por crescimento do PIB e inflação. Então é meramente uma questão de definir esses itens”, afirmou ele, em outubro, explicando que o reajuste mais baixo se deu porque o resultado do PIB de 2016 foi negativo. *Bahia Notícias/Economia

Superlua pode ser registrada no primeiro dia de 2018

Segunda / 01 Jan 2018 / 11h19



Bahia do povo

O primeiro dia de 2018 chega com mais uma superlua no céu. O fenômeno, que é chamado de perigeu, poderá ser registrado na noite desta segunda-feira (1º), quando a lua cheia atinge seu ponto mais próximo na órbita ao redor da Terra. Segundo a agência espacial americana (Nasa), durante este evento astronômico, a lua aparece cerca de 14% maior e 30% mais brilhante do que na “microlua”, quando está mais distante. A superlua pode ser observada a olho nu, mas, segundo a Nasa, é complicado para os humanos perceber as alterações em uma distância tão grande.(Bahia Notícias)

Classes C e D não sentem melhora na economia do país

Domingo / 31 Dez 2017 / 20h17



Foto: Rafael Neddermeyer / Fotos Públicas

Embora o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) tenha apurado um crescimento da economia nos últimos trimestres e detectado uma deflação de 4,6% no preço dos alimentos entre janeiro e outubro deste ano, esses indícios de melhora econômica não foram percebidos pelas classes C e D, segundo pesquisa realizada pelo instituto Plano CDE, especializado no comportamento de consumo das famílias de baixa renda. Após três anos seguidos de intensa recessão, os tênues sinais de alento recentes não chegaram ao radar desse contingente da população, diz Maurício de Almeida Prado, diretor do Plano CDE. A avaliação dessas famílias sobre a própria situação financeira na pesquisa feita em novembro é tão ruim quanto no levantamento de 2015, auge da crise, ano em que o Produto Interno Bruto (PIB) teve retração de quase 4%. O cenário de apreensão é em parte explicado pela composição de renda dessa população, que costuma ter forte componente informal. Dessa forma, a posição de um consumidor na classe C está longe de ser sólida. Caso um só morador perca o emprego, uma mesma residência pode cair para a classe D ou até mesmo E de um mês para outro. A deflação dos alimentos - item de forte peso na cesta de gastos da baixa renda - não foi suficiente para compensar o efeito nefasto da alta do desemprego nas periferias. Quando perguntados se os preços pararam de subir, só 6% disseram concordar totalmente, enquanto 68% afirmaram discordar completamente dessa afirmação. Ao mesmo tempo, a maior parte das pessoas também revelou ter medo do desemprego e relatou dificuldade para fazer reservas de emergência e pagar dívidas. A pesquisa mostrou ainda que, desde 2015, o processo de cortes de gastos nos lares das classes C e D só foi intensificado. Todos os gastos supérfluos, em especial os realizados fora de casa, estão sendo limados. Em 2017, os principais itens cortados, segundo o levantamento, foram comida fora de casa, lazer e serviços de beleza. "Uma das estratégias das pessoas para economizar é trocar o lazer no shopping pela diversão dentro de casa, que pode ser cotizada entre todos os membros da família", diz Almeida Prado, do Plano CDE. Na lógica das famílias de baixa renda, somente o custo do ônibus para que pai, mãe e três filhos cheguem ao shopping - mesmo que não gastem nada - é suficiente para o pagamento de um plano básico de internet ou de uma assinatura de serviço de streaming, como o Netflix, por um mês inteiro. "É uma troca que faz todo sentido para esse público. Ele prefere o lazer virtual ao real, não só pela questão do custo, mas também pelo fator segurança".

WhatsApp volta a funcionar no Brasil após pouco mais de uma hora fora do ar

Domingo / 31 Dez 2017 / 19h13



Foto: Reprodução / Berimbau Notícias

Depois de pouco mais de uma hora fora do ar, o WhatsApp parece ter restabelecido seu serviço em torno das 16h50 deste domingo (31). Ao menos no Brasil, os usuários já voltaram a se comunicar através do aplicativo de mensagens. Por volta das 15h30, o serviço "caiu" em diversos países do mundo. Mensagens nas redes sociais e na imprensa estrangeira apontam que a instabilidade atingiu também partes da Itália, Espanha, Inglaterra e Alemanha. Como de praxe, o problema entrou para os assuntos mais comentados do Twitter no mundo.

Governo condiciona repasse a municípios a apoio à reforma da Previdência: 'Molecagem'

Quinta / 28 Dez 2017 / 21h42



Presidente da UPB, Eures Ribeiro criticou pressão | Foto: Divulgação/ UPB

Após confirmar que liberaria o repasse emergencial de R$ 2 bilhões para as prefeituras de todo o país, o governo federal informou aos municípios nesta quinta-feira (28), dia do depósito da quantia, que não pagará mais o valor. Em entrevista ao Bahia Notícias, o presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), Eures Ribeiro (PSD), acusou a gestão federal de condicionar a liberação do dinheiro para os prefeitos ao apoio à reforma da Previdência. “Eles disseram que, até o final da tarde, não conseguiram fechar as contas. Mas não foi nada disso. Foi uma molecagem deles. Eles fizeram uma tentativa de golpe com essa manobra para votar a reforma”, criticou, em tom irritado, o comandante da UPB. Ainda segundo Eures, o governo “enganou e sapateou” com os municípios. “O sentimento é de revolta no Brasil. Eles tinham feito reunião em Brasília, dizendo que pagariam neste ano”, lamentou. Com a Medida Provisória do Auxílio Financeiro aos Municípios, como era chamado o repasse, a estimativa é de que a Bahia receberia R$ 200 milhões para serem repartidos entre as cidades. No último dia 26, o ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, admitiu que o governo federal está condicionando a liberação de financiamentos para os estados em troca de apoio à reforma. A declaração gerou revolta nos governadores do Nordeste, que chegaram a fazer uma carta ameaçando processar Marun caso as ameaças continuem

Para Meirelles, saldo de empregos em 2017 segue positivo

Quinta / 28 Dez 2017 / 01h15



Foto: Reprodução / Visão Oeste

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou em sua conta no Twitter que o saldo de empregos em 2017 segue positivo, "apesar de pequena variação negativa em novembro"."A melhora em comparação a 2015 e 2016 é substancial e o avanço é cada vez mais rápido", disse o ministro. No primeiro mês de vigência da reforma trabalhista, o País registrou fechamento de 12.292 vagas em novembro. No acumulado de 2017 até novembro, há uma abertura de 299.635 postos de trabalho com carteira assinada. A expectativa do Ministério do Trabalho é encerrar o ano com estabilidade na geração de empregos. Para 2018, é aguardada a criação de 1,78 milhão de novos postos formais, número que pode crescer com as novas modalidades de contrato aprovadas na reforma, segundo a pasta.

Laboratórios disputam na Justiça direito de produzir antiparasitório

Quinta / 28 Dez 2017 / 01h13



Foto: Reprodução / Saúde para Vida

As empresas Eurofarma e Althaia disputam na Justiça quem deve ter o direito de produzir um antiparasitário batizado de Anitta. De acordo com informações da coluna Mercado Aberto, da Folha de S. Paulo, a Althaia obteve uma primeira sentença favorável no meio de 2017. No entanto, em cerca de duas semanas, a concorrente conseguiu uma ordem para suspender o cancelamento da patente até uma segunda decisão. A essa altura a Althaia já havia inclusive começado a produzir o medicamento. Essa suspensão durou quase até o final do ano, mas no dia 14 deste mês ela foi revertida e a Althaia voltará a produzir o antiparasitário.

Caso Davi Fiúza: Polícia Civil faz diligências a pedido do MP, mas não tem conclusão prevista

Quinta / 28 Dez 2017 / 01h01



Foto: Rute Fiúza/ Arquivo pessoal

Com análise finalizada pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), o inquérito parcial do caso jovem Davi Fiúza, que desapareceu aos 16 anos em outubro de 2014 durante uma operação policial, pode ser concluído “a qualquer momento” pela Polícia Civil. “Esse caso a gente já tem bastante coleta de informações, compilados já a dados solicitados pelo Ministério Público em nossas diligências – no entendimento do promotor isso seria necessário para complementar”, afirmou o delegado-geral da Polícia Civil, Bernardino Brito. Com diversos adiamentos de prazo, o inquérito foi solicitado pela promotora Isabel Adelaide Moura, no estado em que se apresentasse, pelo MP, e foi entregue à instituição em julho deste ano (saiba mais) e devolvido à polícia em novembro. À época, o inquérito tinha 9 volumes. Segundo o delegado-geral, ainda não há previsão de quando a apuração será fechada, "porque a investigação não tem um tempo". “Garanto que a gente já deu seguimento e que o resultado eu não posso dizer aqui, mas estamos finalizando essas diligências. Não posso fazer previsão porque a gente está colhendo esse material, só quando finalizar... Algumas situações são sensíveis e a gente não pode passar”, completou Bernardino.

Ellen Cardoso desabafa pela primeira vez sobre caso de agressão de Naldo: 'Não julguem'

Segunda / 25 Dez 2017 / 17h11



Foto: Reprodução / Instagram

Mulher Moranguinho, a ex-dançarina Ellen Cardoso, falou pela primeira vez sobre o episódio em que foi agredida pelo marido, o cantor Naldo Benny, com golpes de garrafa (veja aqui). Através do Facebook, Ellen postou um desabafo de como está sua vida atualmente. "De volta pro recomeço. Um recomeço difícil e doloroso,mas que eu tenho fé que será uma grande cura", escreveu Moranguinho. Apesar da ex-dançarina deixar a entender que o casamento foi reatado, assessoria de Naldo Benny informou que os dois não estão juntos. Os dois, inclusive, passaram o Natal separados. Ao falar em "recomeço", segundo a assessoria de Naldo, Moranguinho indica apenas que a vida dela recomeçou e não que os dois estariam recomeçando a relação. "Respeitem o nosso momento. Está sendo muito difícil para todos nós. Não julguem sem nos conhecer. Por trás de tudo isso existem pessoas igual a você. Uma família que sofre, uma filha que chama pelo pai, cheia de saudade. Um homem cheio de amor desesperado para reparar seus erros e uma mulher com o coração muito ferido, mas que precisa ser forte pra recomeçar", declarou a assessoria ao Extra. Em outro trecho de seu texto, Moranguinho contou que ficou calada após a agressão para proteger a filha: "Outro dia vi até uma reportagem na TV onde uma mãe desesperada para salvar o filho o acorrentou em casa. Muitas pessoas acharam um absurdo, como uma mãe é capaz de fazer isso? Mas eu faria o mesmo. É melhor tê-lo em casa acorrentado do que passar pela dor de vê-lo morto jogado em uma esquina qualquer. Alguém aí já parou pra pensar que a atitude que tomei pode ter sido para salvar e não pra destruir?”. “Eu poderia estar em programas de televisão me lamentando e fazendo a coitadinha. Eu escolhi me calar, escolhi ter meu momento de paz, de reflexão e de cura!", completou. O cantor Naldo foi preso em flagrante no dia 6 de dezembro por porte ilegal de arma de fogo após ser denunciado por Moranguinho, que afirma ter apanhado do marido. Após a denúncia, Moranguinho viajou para São Paulo com a filha do casal, de 2 anos. Ela está recebendo o apoio do filho mais velho e de outros familiares e não pensa em aceitar o perdão do cantor nem muito menos reatar o casamento. Com base na Lei Maria da Penha, a Justiça determinou que o artista fique afastado da mulher, de seus familiares e das testemunhas do caso, numa distância mínima de 100 metros. Naldo também foi proibido de ter qualquer contato com Ellen por quaisquer meios de comunicação, inclusive pela internet.

Conta de luz pode subir mais 9% em 2018

Segunda / 25 Dez 2017 / 16h23



O consumidor residencial brasileiro terá de lidar com dois anos de reajustes na energia bem acima da inflação. As causas são um regime de chuvas insuficiente para compensar períodos de seca e o aumento dos encargos sociais. Na média, as tarifas devem fechar o ano com alta de 14% e subir 9,4% em 2018. A expectativa é que o IPCA (inflação oficial) fique abaixo de 3% em 2017 e em 4% no ano que vem. Em algumas regiões, as tarifas podem pesar ainda mais no bolso, segundo levantamento da consultoria especializada TR Soluções. Na média, a maior alta deve ser registrada na região Sul (+10,7%), seguida pelo Sudeste (+9,3%). Em São Paulo, por exemplo, a conta de luz deve fechar este ano 7% mais cara e subir outros 9,1% em 2018. A energia elétrica deve também ter um efeito não desprezível de 0,4 ponto percentual sobre a inflação medida pelo IPCA do ano que vem. A previsão da TR inclui algumas premissas: as diferentes bandeiras esperadas ao longo do ano, os reajustes previstos para as principais distribuidoras e o regime de chuvas para o período. As projeções são feitas para 13 regiões metropolitanas usadas como referência e que espelham o que ocorre no país. *Informações da Folha de São Paulo

Com apoio de Bolsonaro, Ronaldinho Gaúcho se candidata a senador

Quinta / 14 Dez 2017 / 09h30



Ronaldinho Gaúcho estará nas próximas eleições em 2018, de acordo com o blog de Lauro Jardim, do O Globo. O jogador se afiliou ao PEN, futuro Patriota, e sairá como candidato a Senador em Minas Gerais. A trajetória inédita na política tem o apoio de Jair Bolsonaro, que se candidatará a presidência no próximo ano. A definição foi tomada em reunião envolvendo o vice-presidente do partido, Gutemberg Fonseca, e outros membros. A oficialização da candidatura não será feita neste ano. Ronaldinho esperará a oficialização durante a janela para filiação, aberta somente em março de 2018. Quem também estará em conjunto na candidatura será o ex-atacante Somália. Com passagens por São Caetano e Fluminense, ele será suplente da chapa de Ronaldinho.

Segundo dia do Enem tem 32% de abstenção e 580 candidatos eliminados

Segunda / 13 Nov 2017 / 08h55



O índice de candidatos que faltaram à segunda prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2017, realizada hoje (12), foi de 32%. Cerca de 2,15 milhões de inscritos não compareceram às provas aplicadas neste domingo. No primeiro dia de prova, realizado no domingo passado (5), foi registrada uma abstenção de 29,8%, com cerca de 2 milhões de candidatos faltosos. No ano passado, a abstenção média nos dois dias de prova foi de 29,19%. O ministro da Educação, Mendonça Filho, classificou esta edição como a mais tranquila aplicação do Enem nos últimos anos, com pouquíssimas ocorrências. Um total de 853 candidatos foram eliminados do Enem nos dois dias de prova, sendo 273 no primeiro dia e 580 no segundo dia. A maioria foi eliminada por descumprimento de regras do edital (842), nove por terem sido identificadas irregularidades nos detectores de metais e dois por recusa do dado biométrico. Os candidatos realizaram hoje questões de matemática e ciências da natureza (química, física e biologia). No domingo passado (5) foram aplicadas as provas de redação, linguagens e ciências humanas.

Governo publica resolução que vai unificar CPF, RG e título de eleitor em um único documento

Quarta / 08 Nov 2017 / 11h00



Um documento para votar, outro para tirar o passaporte e um terceiro para se inscrever no vestibular ou num concurso público. Manter essa quantidade de documentos em casa e superar essa peregrinação pode estar perto do fim. Isso porque uma resolução publicada nesta segunda-feira (2) pelo Comitê Gestor da Identificação Civil Nacional recomenda a adoção do CPF como o documento padrão de identificação nacional do cidadão. Em outras palavras, o CPF deverá substituir o RG, o título de eleitor e outros documentos de identificação. Assim, caminha para ser a ICN (Identificação Civil Nacional). Isso, porém, ainda depende de um decreto presidencial para entrar em vigor. O Comitê Gestor da Identificação Civil Nacional foi criado este ano e é formado por membros do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), dos Poderes Executivo e Legislativo e do CNJ (Conselho Nacional de Justiça). No caso das votações em eleições no País, o CPF será cruzado com dados biométricos do cidadão, "o que garantirá a unicidade dos registros, bem como a identificação inequívoca do cidadão", garante o comitê. Houve unanimidade na decisão do comitê pelo CPF para ser o documento nacional. Além disso, o comitê julgou que usar o CPF representa menos custos para os cidadãos, empresas e órgãos públicos. Com informações do Portal R7.